BluePex® na Mídia

BluePex lança oferta para acompanhar produtividade dos colaboradores

Dentre outras funções, “produtividade” calcula o tempo que o funcionário passa em cada aplicação e software dentro do dispositivo corporativo

A BluePex, empresa especialista em soluções de segurança da informação anunciou o lançamento de uma nova oferta, desenvolvida para ajudar as empresas a medirem a produtividade de seus colaboradores durante a pandemia, mesmo que estejam atuando em regime de home office.

A nova funcionalidade, batizada de ‘produtividade’, calula o tempo em que o funcionário passa em cada aplicação e software no dispositivo corporativo. Essa é a primeira solução do gênero disponível no mercado que conta com toda a gestão integrada de forma nativa.

Segundo Nilton de Souza, diretor de soluções e negócios da BluePex, a nova ferramenta foi projetada para atender pedidos dos próprios clientes. Com a nova oferta é possível detectar, por exemplo, quanto tempo o colaborador ficou ocioso, avaliar as configurações do computador (se o HD está cheio, se algum software roda em segundo plano, se há ameaça de vírus, etc) e até acessar a máquina remotamente.

“As empresas têm investido cada vez mais em monitoramento para mensurar a produtividade de sua equipe. Cientes disso, resolvemos desenvolver este produto com foco na experiência do usuário, incorporando a feature que atende a este fim à nossa plataforma de cibersegurança”, afirmou o executivo.

O executivo relembra que como consequência da Covid-19 muitas empresas tiveram que investir de fato em ferramentas que pudessem aperfeiçoar o trabalho remoto, mas também reforça que com o crescimento do home office, também aumentaram os números de ataques cibernéticos durante esse período.

Desse modo, para evitar vazamentos, não basta contar com um simples antivírus, é preciso ter soluções que agreguem valor a este novo formato. Foi pensando nessa necessidade que a companhia projetou a nova solução, que compreende itens como gerenciamento de produtividade do colaborador em home office; VPN sem limites de licenças para conexão com a rede corporativa; inventário com geolocalização das máquinas da rede e controle de acesso do dispositivo em home office, que monitora quais ferramentas estão sendo acessadas.

A companhia reforça que toda a informação fica disponível em um mesmo painel de gerenciamento, que possibilita que o gerente de TI gerencie todos esses dados, estando dentro ou mesmo fora da empresa.

Notícia divulgada no Portal: